segunda-feira, 31 de julho de 2017

Automutilação, Terrível Prática Entre Adolescentes


Minha neta adolescente me relata que está assustada com uma colega de sala de aula que se automutila.

Diz-me que a colega está toda cortada de estilete nos braços, pernas e tronco.

A automutilação entre jovens tem crescido de forma assustadora na nossa sociedade. Nas redes sociais os jovens automutilados mantêm relações de troca de imagens e mensagens com outros jovens que tem a mesma prática.

O assunto é muito sério e várias entidades de assistência a jovens estão se mobilizando para esclarecer os adolescentes sobre este tipo de autopunição.

A maioria das vezes os pais sequer percebem as automutilações, quando vem a perceber o vício de automutilar-se já está muito avançado e já é impossível esconder as feridas.

O hábito é chamado perla palavra inglesa de cutting e é sobretudo sinal de tristeza, melancolia profunda.

Não é um caminho para o suicídio, antes é o caminho para chamar atenção sobre si mesmos, sobretudo a atenção de pais, mestres e amigos que não dão a estes jovens o amparo e a assistência que de alguma forma eles pedem automutilando-se.

Escrito Por Bemvindo Sequeira

Colaboraram: Bemvindo Sequeira; entretenimento.r7.com