segunda-feira, 25 de abril de 2016

A Juventude é Passageira


Quando se é jovem tem-se a sensação de que a juventude é eterna. Mas pouco tempo depois essa ilusão se desfaz, e ainda assim não queremos acreditar no efêmero do tempo, e assim vamos chegando a velhice. E aí sim estamos na porta para a eternidade.

A juventude é passageira.

Qual de nós quando jovens não estufava o peito e proclamava que chegou a mundo a passeio, e que dotados de vibrante potência seria vitorioso sobre a morte?

Ilusão e vaidade, que também é ilusão, posso afirmar que a mais traiçoeira das ilusões é a vaidade. Quanto mais vaidosos mais a mercê de humilhações estamos.

Viver a vida como passagem, como mistério e graça, agradecendo a cada dia na sua finitude é a única maneira sadia de vivermos a angústia do inexorável caminho onde estamos todos correndo de braços abertos para o Mistério. Sendo que para ser coerente com o início desse post, os jovens correm mais depressa.

Que ironia.

Escrito Por Bemvindo Sequeira

Colaboraram: Bemvindo Sequeira; entretenimento.r7.com;

3 comentários:

  1. Grande verdade aqui! O tempo passa e traz mudanças fora e dentro de nós.Saber conviver com elas é preciso! abraços, chica

    ResponderExcluir
  2. Lindo texto, e muito verdadeiro. A infância é passageira, a juventude é passageira, mas a velhice... ela nos transporta- passageiros - para o lugar onde ninguém mais passará...

    ResponderExcluir
  3. Que bonito texto para reflexão!
    Beijo.

    ResponderExcluir

A Cia. De Teatro Atemporal agradeçe os seus comentários.