segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

MUNDO ATEMPORAL


Aqui em Natal/RN a minha família e eu estamos bem! Já escrevemos alguns textos para teatro, estamos trabalhando e planejando a nossa volta ao Rio de Janeiro, em breve.

No meu último contato com o Rio, infelizmente, não obtive boas notícias quanto aos nossos trabalhos. Em minha última postagem de "Mundo Atemporal" passei para você que neste ano de 2009 a companhia já estava trabalhando focando as apresentações do espetáculo "Quanto Vale A Sua Cabeça?", em março e maio.

O momento é muito delicado.

Para começar, os novos rapazes que estavam trabalhando na companhia, abandonaram a mesma. Jorge Eduardo Meneghel e Alexia Sant'anna estão desanimando, Glória Maria está firme, porém com desejo de ver os trabalhos fluírem, como eu.

João Carlos Rota, atual "responsável" da Cia. De Teatro Atemporal no Rio, me passou que não será possível a companhia produzir o espetáculo teatral "Quanto Vale A Sua Cabeça?" devido a falta de material humano.

Eu não desejo e não vou criticar o João, os atuais artistas da companhia e as pessoas que passaram por ela.

Vejo problemas na Cia. De Teatro Atemporal e não vou ficar me lamentando, choramingando... em DEUS, vou buscar soluções, NELE vou crer e AGIR!

Daqui de Natal/RN, falamos o seguinte com João Carlos Rota: "Já que não é possível produzir o espetáculo Quanto Vale a Sua Cabeça?, vamos realizar um espetáculo que seja possível a companhia produzir? - João disse que sim, e que está pesquisando textos.

Outro fato ruim, é que perdemos a nossa pauta no Teatro Armando Gonzaga, da Marechal Hermes, devido a demora no processo de produção do espetáculo "Quanto Vale A Sua Cabeça?".

Eu estou aguardando respostas, da administração do Teatro Arthur Azevedo, de Campo Grande, para saber se é possível alterarmos a nossa pauta, pois o projeto que enviamos, também foi do espetáculo "Quanto Vale A Sua Cabeça?".

Para que você saiba, o espetáculo "Quanto Vale A Sua Cabeça?" é uma super produção teatral, que requer muitos fatores para ser produzida. Por conta disso vamos arquivar esse projeto.

Vamos continuar torcendo para que tudo dê certo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Cia. De Teatro Atemporal agradeçe os seus comentários.